Compartilhe:

Rio Verde - Goiás, 169 anos!



02/08/2017


Rio Verde surgiu com a isenção de pagamento de impostos por 10 anos pela Lei nº 11 para criadores de gado bovino e eqüino na região sul de Goiás. Por volta do ano de 1840, chegam aos sertões de Rio Verde, José Rodrigues de Mendonça,  sua esposa, Florentina Cláudia de São Bernardo, e filhos. Estabeleceram-se a seis léguas de Rio Verde, na Fazenda São Tomaz, às margens do rio São Tomás, onde tomaram posse delas e, assim, começaram a escrever a história de Rio Verde. Este desbravamento tornou-se o embrião do Município de hoje.

Em 25 de agosto de 1846, José Rodrigues e sua mulher doaram sete sesmarias de suas terras para o patrimônio da igreja e construção de uma capela em louvor a Nossa Senhora das Dores. A partir daí, surgiu o Arraial de Nossa Senhora das Dores de Rio Verde.

De acordo com a Lei nº 08 de seis de novembro de 1854, o povoado Dores de Rio Verde foi elevado à categoria de Vila.

Em primeiro de novembro de 1865, uma coluna de 3 mil soldados, a caminho da Guerra do Paraguai, chega ao povoado. O grupo não fica imune ao espírito sarcástico de pessoas do lugar e é apelidado de abóboras, em referência à grande quantidade de plantação de abóboras na época. Como a vila não tinha outra alimentação para o exército que acabara de chegar, os soldados só comiam abóboras, escreveu o Visconde de Taunay.

Já em cinco de agosto de 1848, através da Lei Provincial, a Vila foi elevada à categoria de Distrito de Rio Verde.

O grande marco de arrancada para o desenvolvimento aconteceu na década de 1970. Com a abertura dos cerrados à agricultura e a chegada das estradas pavimentadas que a ligam a Goiânia e Itumbiara, a agricultura começou a florescer e atraiu produtores do sul e do sudeste do país. Também vieram agricultores americanos que fundaram uma colônia. Todos eles trouxeram maquinários, tecnologias, recursos e experiências que transformaram o município em um dos maiores produtores de grãos de Goiás e um dos destaques do país.

Rio Verde, cidade pólo do sudoeste goiano, a 220Km da capital goiana. Município que apostou nas riquezas dos grãos e deu saltos importantes até ganhar destaques na economia nacional.

Hoje, com 8.379,661 km² de extensão territorial e aos 169 anos de existência, Rio Verde conta com mais de 212 mil habitantes, sendo o quarto município mais populoso de Goiás, ficando atrás apenas da capital Goiânia e das cidades de Aparecida de Goiânia e Anápolis e tem registrado em sua história, gloriosas páginas de luta, de trabalho e de talento. Se seu passado foi grandioso, o futuro se apresenta confirmando a vocação da cidade em continuar crescendo em todos os sentidos.

Resultado de imagem para rio verde goias

Cada vez mais o município é atrativo para novas empresas e grandes indústrias sem abandonar a atividade que deu início à sua história de sucesso: a agropecuária, cada vez mais moderna e tecnológica. Atualmente, Rio Verde é mais do que uma grande cidade de Goiás, é um pólo econômico que cresce junto com o Brasil. 

Parabéns cidade de Rio Verde!

 

Honorato Contábil

 

 




Abastecer com Álcool ou gasolina?
Micro e Pequenas Empresas estão isentas de contribuição sindical patronal
Obrigatoriedade do Código de defesa do consumidor no comércio.
Conta-salário, Como funciona?
Férias – Não tem direito a férias o funcionário que:


Mídia Marketing Direcionado - 2008
Daniel José